“A palavra de Cristo habite em vós abundantemente, em toda a sabedoria, ensinando-vos e admoestando-vos uns aos outros, com salmos, hinos e cânticos espirituais, cantando ao Senhor com graça em vosso coração.” Cl. 3:16.

Ao lermos a Bíblia, vemos que nela há várias exortações ao homem para que este mude sua vida. Isso mesmo, Deus quer que o homem mude seus conceitos naturais que estão sobremaneira impregnados pelo pecado. Há ordenanças veementes para que se mude de visão, de pensamentos, de hábitos etc. Aliás, quantos de nós já não nos deparamos com alguém que disse a seguinte frase: “Eu nasci assim e vou morrer assim!”?

Ora, pense consigo mesmo, quando foi a última vez que você mudou um conceito? Quando foi que mudou sua forma de pensar sobre determinado assunto? Quantas coisas você falou ou pensou e posteriormente descobriu estar errado? Será que muitos destes conceitos ou pensamentos não estão relacionados com o plano de Salvação proposto por Deus? Você acha que, por ser uma boa pessoa, bom pai, boa mãe, bom filho, bom cidadão, terá um lugar reservado no céu por agir sempre obedecendo a certos preceitos que acredita serem certos? Se este é o seu caso devo informá-lo que está na hora de mudar. Sim, mudar sua visão, seus conceitos, seus pensamentos. Vejamos o que a Bíblia diz: “Mas todos nós somos como o imundo, e todas as nossas justiças como trapo da imundícia; e todos nós murchamos como a folha, e as nossas iniqüidades como um vento nos arrebatam.” Is. 64:6.

                        Nossas obras de justiça não têm nenhum valor para Deus, mas boa parte da humanidade acredita que sim. Veja só como a Bíblia é clara em demonstrar que as obras do homem natural não servem para Deus. Quantos estão errados em seus pensamentos e recusam-se a mudar!

Nossos conceitos ou o que pensamos sobre a vida ou determinados assuntos de nada tem valor se não estiverem baseados na Bíblia, o verdadeiro “manual da vida”, fonte de sabedoria e de Salvação.  “Retendo a palavra da vida, para que no dia de Cristo possa gloriar-me de não ter corrido nem trabalhado em vão.” Fl. 2:16.

Se não tivermos a palavra de Deus arraigada em nossas vidas, por mais que nossos conceitos sejam “bons” perante a sociedade, ainda assim, estaremos perdidos, teremos trabalhado em vão, sem a possibilidade de chegar a Salvação. Mudar nossos conceitos significa assumir que estávamos errados em determinado ponto. Veja o exemplo de Jó que humildemente disse: “Falei do que não entendia”. Jó. 42:3.

Prezado, se ainda acha que o que faz de bom na vida é suficiente para lhe conceder a vida eterna, está na hora de mudar seu conceito, pois como dissemos, nada do que possamos fazer, ainda que bom, terá validade alguma perante Deus! Você deve estar pensando: “Se o que faço de bom não tem valor, como agradarei a Deus e alcançarei à vida eterna?”. Muito simples: basta aceitar Jesus Cristo como Senhor e Salvador de sua vida e terá assegurado seu lugar ao lado Dele quando deixar esta vida terrena.

Busque a visão de Deus através de sua palavra, a Bíblia, reveja seus conceitos, não tenha medo ou orgulho de admitir se estiver errado, pois noutro tempo todos nós andávamos desgarrados, sem orientação, obedecendo tão somente a nossa consciência, até que aceitamos o sacrifício remidor de Jesus Cristo, alcançando a salvação e mudando de vez nossos conceitos em relação ao nosso modo de vida, adotando o modo de Jesus Cristo! “Todos nós andávamos desgarrados como ovelhas; cada um se desviava pelo seu caminho; mas o Senhor fez cair sobre ele a iniqüidade de nós todos.”  Is. 53:6.

Deus abençoe!

Helmo Freitas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *